Programa de Assistência para Reduzir o Desmatamento de Florestas Tropicais (LEAP)

Sobre o programa 

O Programa de Assistência para Reduzir o Desmatamento de Florestas Tropicais (LEAP) é uma parceria entre UNODC, INTERPOL e RHIPTO-Centro Norueguês de Análise Global. O LEAP busca compartilhar conhecimento e construir redes globais para combater o desmatamento ilegal e crimes conexos, a fim de assistir os Estados-membros na aplicação da lei em países-chave da América Latina e do Sudeste Asiático. Ao prestar assistência no enfrentamento ao desmatamento de Florestas Tropicais, o LEAP contribui para o combate às mudanças climáticas e para o alcance dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Crime global

O desmatamento ilegal gera um lucro anual entre 50 e 152 bilhões de dólares para grupos do crime organizado, promove a degradação florestal, a perda de biodiversidade, o aumento da corrupção e violações dos direitos humanos. Além disso, a perda florestal acelera as mudanças climáticas, contribuindo com quase 30% das emissões globais de gases de efeito estufa (GEE). 

As organizações Globais que apoiam o LEAP

As três organizações que apoiam o LEAP coordenam e colaboram para apoiar os avanços holísticos e sustentáveis na aplicação da lei em países prioritários. Os principais objetivos são de melhorar a capacidade de aplicação da lei, aumentar a conectividade entre países e agências e julgar casos com sucesso.

UNODC

O Programa Global de Controle de Contêineres (CCP), uma parceria entre UNODC-OMA, aprimora a capacidade técnica nas Alfândegas e em outras agências policiais, oferecendo treinamento especializado às Unidades Operacionais de Controle Portuário (UOCP). Já  o Programa Global contra Lavagem de Dinheiro (GPML) treina as autoridades competentes para identificar e investigar crimes financeiros relacionados ao desmatamento ilegal, enquanto o Programa Global para o Fortalecimento das Capacidades de Prevenção e Combate ao Crime Organizado e Crimes Graves (GPTOC) ajuda os Ministérios Públicos nacionais a investigar e processar casos vinculados ao desmatamento ilegal de maneira mais eficaz.

INTERPOL

A Unidade de Segurança Ambiental facilita a cooperação policial internacional. Seminários Nacionais de Segurança Ambiental (NESS) e treinamentos em pesquisa financeira são realizados regularmente onde são identificadas as necessidades.

RHIPTO

A ONG RHIPTO, sediada na Noruega, usa dados e análise de tendências para fornecer avaliações de redes de ameaças e outras ferramentas. O UNODC e a INTERPOL se utilizam desses relatórios para garantir o desenho e a implementação estratégicos do programa.

O LEAP e os ODS

Por meio dessas ações, o LEAP está comprometido em ajudar Estados-membros a alcançar os ODS: 

PARA OBTER MAIS INFORMAÇÕES, CONTATE:

NICOLE QUIJANO-EVANS
COORDENADORA
nicole.quijano-evans@un.org

ALEXANDER WALSH
OFICIAL REGIONAL DE PROGRAMA
alexander.walsh@un.org